O filme de animação Meu Malvado Favorito conquistou o coração do público ao trazer um vilão carismático e seus ajudantes amarelos, os Minions, que cativaram a todos com seu jeito divertido e irreverente. Lançado em 2010 pela Universal Studios, o longa logo se tornou um sucesso de bilheteria e se tornou uma franquia de sucesso com mais duas sequências lançadas posteriormente.

Com direção de Pierre Coffin e Chris Renaud, Meu Malvado Favorito conta a história de Gru, um vilão que planeja roubar a Lua. Para alcançar seu objetivo, ele conta com a ajuda de três irmãs adotivas e dos Minions, sua equipe de ajudantes fiéis. Porém, ao longo do filme, Gru acaba desenvolvendo um forte amor pelas meninas e tem sua história transformada por elas.

A animação é repleta de momentos divertidos, já que os Minions roubam a cena sempre que aparecem na tela. Com seu jeito atrapalhado e cômico, eles se tornaram um dos personagens mais queridos pelo público. Tanto que, em 2015, ganharam um filme próprio, dando ainda mais visibilidade à franquia.

Além da animação em si, o filme rendeu também uma trilha sonora de sucesso, com músicas como Despicable Me, de Pharrell Williams, que se tornou um hit mundial. Ainda hoje, a canção é lembrada com carinho pelos fãs da franquia.

Com o sucesso de Meu Malvado Favorito, a Universal Studios decidiu investir em sequências. Em 2013, foi lançado Meu Malvado Favorito 2, que acompanha as aventuras de Gru ao tentar impedir um novo vilão. Em 2017, chegou aos cinemas Meu Malvado Favorito 3, que mostra o vilão se aproximando do irmão gêmeo e descobrindo segredos sobre sua infância.

Além disso, a franquia também conta com outras produções, como o filme dos Minions e um seriado lançado em 2021 na plataforma de streaming Hulu, que explora a vida dos ajudantes do vilão.

Com sua mistura de comédia e aventura, Meu Malvado Favorito se tornou um dos filmes de animação mais amados pelo público. Seu vilão carismático e seus ajudantes divertidos conquistaram o coração de todos que assistem ao filme, tornando-o um verdadeiro clássico contemporâneo.